Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

Dissertações
Up

Avaliação antibacteriana de extratos Etanólicos e metanólicos de Costus cf. arabicus L

File Name:
dissertao francisco assis bezerra da cunha.pdf
File Size:865.96 kB
Date:26. Setembro 2018

Ano: 2010

Orientando(a): Francisco Assis Bezerra da Cunha

Orientador: Prof. Dr. Henrique Douglas Melo Coutinho

Resumo: A Convenção da Diversidade Biológica, constitui-se no principal avanço da Rio-92 e pode-se afirmar que dentre seus postulados, a Bioprospecção constitui-se no mais novo marco regulatório para a investigação das moléculas biologicamente ativas, com crescente uso da indústria, nutracêutica e farmacologia. A etonobotânica, ou mais precisamente a etnofarmacologia do grupo Zingiberales, tem apontado para inportantes usos clínicos. A família Costaceae, ou mais precisamente o gênero Costus tem uma ampla utilização na medicina popular: especialmente com aplicação hipoglicemiante, hipolipemiante, urolítica, antiinflamatória, analgésica e antibacteriana. Neste trabalho, a avaliação de atividades biológicas de Costus cf. arabicus gerou resultados que demonstraram a ação moduladora de antibióticos frente a variedades multiresistentes de Staphylococcus. aureus e Escherichia coli e que apontam para os múltiplos mecanismos de ação antimicrobiana, que de forma sinergística podem estar envolvidos, na potencialiazação dos antibióticos testados: amicacina, canamicina, gentamicina e neomicina; dos quatro extratos testados quanto à capacidade de fotoativação na potencialização da atividade antimicrobiana. Todos os extratos de folhas, tanto etanólicos, quanto metanólicos foram eficazes, quer seja para S. Aureus quanto para E. Coli e o extrato metanólico do caule também foi fotoativo contra E. coli. O que sugere que novas pesquisas sejam realizadas, uma vez que Estratos de Folhas de Costus cf. arabicus L se mostraram eficientes tanto para bactérias gram positivas, quanto gram negativas. Por se tratar de extratos se faz necessário o isolamento dos substâncias fitoconstituintes, visando precisar se ocorre uma atuação sinérgica das substâncias destes compostos ou se a sua ação se deve a constituintes isolados. Em face dos resultados obtidos, as pesquisas visando novas estratégias de controle de bactérias multiresistentes, no combate a multiresistência a antibióticos, bem como coadjuvante na antibioticoterapia e fototerapia utilizando esta espécie podem ser promissoras.

Palavras-chave: Costus cf. arabicus L., Costaceae, modulação da atividade antibiótica, fotossensibilização, UV-A, antibióticos, atividade antimicrobiana.

 

Powered by Phoca Download

Calendário

Maio 2022
D 2a 3a 4a 5a 6a S
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31 1 2 3 4